17.5.14

Uma fotografia por dia... nº 3341

Varge, 2012
Com o fogo, para além de ser um dos três elementos primordiais, ninguém se sente só com uma lareira por perto onde se sinta o seu crepitar. Tem uma musicalidade e um ondear de dançarino que nos enleia totalmente. É uma das companhias que nunca recuso.

4 comentários:

José María Souza Costa disse...

Olá, bom fim de semana.

Excelente companhia, indispensável.
Abraços.

Mona Lisa disse...

Adoro lareiras e lamento não ter uma. Vejo-as como um símbolo de conforto, protecção, companhia...

Olhei a tua magnífica e mágica foto e senti nostalgia...

Beijinhos.

Graça Pimentel disse...

Para a semana que vem vão ser de muita valia para ajudar a manter um certo calor...

beijo

Fatyly disse...

Gosto de ver de longe, mas estar perto ou ao sabor dela não consigo e como tal...fujo para respirar melhor:)