9.9.13

Uma fotografia por dia... nº 3091

Paredes, Mouriz, Casa do Zé do Telhado, 2013
Olha-se com nostalgia para este personagem que, diz a lenda, roubava aos ricos para dar aos pobres! O paradoxo não pode ser maior com a actualidade, já que vivemos num tempinho em que o inverso é que está a dar... mas apenas por nossa culpa, que não sabemos escolher!! E daqui por uns dois anos lá iremos eleger quem manterá tudo na mesma! Amen.

6 comentários:

Mona Lisa disse...

Não pude deixar de fazer outra leitura.

Associei a nostalgia que senti, olhando a casinha abandonada, imaginando as memórias de uma história de vida que ali permanecem "enterradas" , à minha vida.

Belíssima foto que me tocou!

Beijinhos.

Fatyly disse...

Amen!:)

Ritinha disse...

Puxa!!! um lugar que tem uma paisagem linda de fundo e o abandono nitido de vidas que passaram por aí.
bjs
Ritinha

paideleo disse...

Unha bonita combinación de foto e historia interesante.
Ogallá houbesen máis Zés do Telhado.

bettips disse...

Tenho uma fotografia aí, há 45 anos, sentada no tanque!!! Bem conservada, a casa, nessa altura (eu também).

Sempre me fascinaram os Robins e os Zés. Agora é mais fino: roubam-se os pobres e passam-nos os ladrões no écran, dedicadamente defendidos por grupos bem postos, advogados dos diabos.
Abç

Graça Pimentel disse...

Que venham mais Zés do Telhado...
Nunca tinha visto a casa

beijo