26.10.12

Uma fotografia por dia... nº 2773

MFC - Pé de Meia
Sernancelhe, N. Sra. da Lapa, 2012
Portas estreitas e baixas, janelas pequenas, paredes exteriores compactas e espessas... aí está o isolamento perfeito para os frios e para o verão de inferno que é particular destas bandas. Os saberes ancestrais aí estão diante de nós exibidos de uma forma belíssima.

18 comentários:

Mona Lisa disse...

Saberes ancestrais ainda transmitidos de geração em geração no nosso Portugal profundo...

Uma casa linda, acolhedora, numa foto fantástica valorizada pelo P&B , tornando-a real!

Um ângulo soberbo em que não te escapou o candeeiro.

Beijos.


CNS disse...

O tempo frio do granito.

elvira carvalho disse...

Se a simplicidade da foto lhe dá certo encanto, o facto de ser a preto e branco, torna-a soberba.
Um abraço

Helena disse...

Vivi em Sernancelhe nos meus verdes anos. Fiz lá o primeiro ciclo - escola primária - numa escolinha do chamado Plano Centenário, mesmo no meio do jardim em frente à casa em que morei. A escolinha agora é biblioteca municipal (ainda bem!) e Sernancelhe tem mais encanto agora, vista à distância.
Naquela altura (nasci em 1951) a miséria era imensa e o isolamento uma realidade. Os frios do inverno eram vividos pelas minhas colegas de escola, de tamancos e meias rotas e casacos sempre mal dimensionados, porque 'herdados' de alguém. Na parte da escola do lado esquerdo, a dos rapazes, ouviam-se as vergastadas com que um professor mal disposto, para não lhe chamar outra coisa, os presenteava, todos os dias. No meu lado, o das raparigas, as escalfetas que levávamos e as portas fechadas por causa do frio intenso no inverno, faziam-me desmaiar com frequência.
Estive muito tempo sem lá ir. Há alguns anos voltei e foi com espanto que me apercebi, finalmente, da beleza da terra. Mesmo que as ex-colegas que encontrei parecessem ter mais vinte anos que eu. O trabalho "de sol a sol" fez-lhes isso.

Peço desculpa pelo longo comentário, mas saiu-me assim...

Reinadi Sampaio disse...

É de uma beleza tão intensa que qualquer coisa que eu diga vai-me parecer pouco! Mas posso dizer parabéns meu amigo e aplaudo-te de pé! Amo coisa assim poéticas.

Um grande abraço meu amigo Manuel.
Reinadi.

Remus disse...

A fotografia resultou muito bem em preto e branco.
Em termos de enquadramento, eu não teria incluído a tampa do saneamento, e em consequência daria mais espaço à chaminé. Acho que dessa forma a fotografia ficaria mais harmoniosa.

Ana Flora disse...

Maravilhosa!! Que casas tão sedutoras :)

PERSEVERÂNÇA disse...

Os amigos são próprios de fases: da rua, do Ensino Fundamental, do Ensino Médio, da faculdade, do futebol, da poesia, do emprego, da dança, dos cursos de inglês, da capoeira, da academia, do blog. Significativos em cada etapa de formação. Não estão em nossa frente diariamente, mas estão em nossa personalidade, determinando, de modo imperceptível, as nossas atitudes.
Quantas juras foram feitas em bares a amigos, bêbados e trôpegos? Amigo é o que fica depois da ressaca. É glicose no sangue. A serenidade.
Carpinejar. BOM DIA GALERA, E BOA SEXTA FEIRA!!!!!!
NICINHA

Graça Pimentel disse...

Casas tipicamente beirãs com as suas escadas de pedra e os seus alpendres. Que saudades!

Beijo

lis disse...

Tem me encantado com tuas fotos , breve irei ver um pouco, de pertinho.
quero reclamar sua presença, saudade dos teus sorrisos.

Mar Arável disse...

Conheço bem este espaço

onde é possível falar

com as pedras

Justine disse...

A beleza das formas simples e da eternidade da pedra.
Uma grande fotografia!

Rita Almeida Pinto disse...

Olá MFC!

Acho que vou me sentar nesta escada por uma meia hora, levando comigo uma taça de vinho tinto e vou deixar que as imagens me levem ao tempo em que meus ancestrais viviam sem tantos problemas urbanos.
Boa noite!

Fatyly disse...

Quer este post quer o anterior são de uma beleza estonteante e como gostaria de ter uma casinha destas...

Pérola disse...

As casas em pedra são um encanto.
Aproveitamento de recursos locais e tradições que se esperam nunca perdidas.

beijo

Janita disse...

Vejo que Sernancelhe é uma localidade com muitos e belos motivos de encanto e beleza, onde a tradição impera.

Beijinhos, Manel!

Manuel Luis disse...

Obrigado por dares a conhecer este maravilhoso Pais que pouco conheço.

paranoiasnfm disse...

Quem me dera visitar um lugar assim!