22.10.12

Uma fotografia por dia... nº 2769

MFC - Pé de Meia
Sernancelhe, Solar dos Carvalhos, 2012
Construída sobre a casa onde nasceu o Marquês de Pombal, esta casa senhorial com influências barrocas destaca-se na paisagem urbana desta terra. Situada mesmo por detrás da Igreja Matriz, é interessante notar que os dois poderes sempre sempre se namoraram, apesar de arrufos de ocasião.

18 comentários:

Mona Lisa disse...

Os arrufos de ocasião como em todos os namoros...

O magnífico Solar dos Carvalhos é um marco grandioso da nossa nobreza.

Uma perspectiva soberba (do Solar) com que nos brindas, nesta magnífica foto.

Beijos.

Vítor Fernandes disse...

Esta semana, depois das declarações do sr. cardeal patriarca verificou-se de novo, se houvessem dúvidas, que esses poderes nunca se dissociaram. Gosto da foto e das palavras.

Ana Paula disse...

Ah esta foto me fez lembra do nosso aqui Pátio do Colégio. Preciso ir lá fotografá-lo.
Beijo e boa semana.

Janita disse...

Manel, de novo andei a ver os posts que tinha em atraso.
Muito sinceramente, acho que 2012 foi um ano bastante profícuo em termos de inspiração e descoberta de belíssimos locais para as tuas fotos. São todas lindas e bem escolhidas. Tudo isto me leva a crer que este, está a ser um bom ano para ti. Aproveita e desfruta.
Este magestoso Solar resultou numa foto soberba.
Pis é, os dois maiores poderes: Estado e Igreja, sempre se namoraram, mas o casamento nunca se realizará...
Beijinhos Manel, desejo-te tudo de bom e cuida-te!
Janita

Fatyly disse...

Tens toda a razão e a foto ficou lindissima!

Beijos

Maria de Jesus Lourinho disse...

Beliiiiiissimas - casa e foto.

Pérola disse...

Gosto da pedra trabalhada a emoldurar as janelas e portas, do branco. E dos candeeiros...
Enfim, gosto muito do conjunto.
Quanto ao casamento do poder politico e espiritual remonta a épocas das cavernas.
Os mágicos e feiticeiros ainda continuam a ter poderes relevantes em sociedades tribais.
Parece-me que é uma coisa de que o Homem dificilmente se despirá apesar da roupagem civilizacional.

Beijinho e boa semana.

Mar Arável disse...

Sem memórias

não existem amanhãs

Fábio Martins disse...

Aqui aprende-se um pouco de História :)

Smareis disse...

Andei um pouco ausente,por issso a demora em aparecer.
Adorei a fotografia. Uma bela Igreja.

Grande abraço!
Ótima semana!

Benó disse...

Uma bela fotografia, um belissimo solar e uma informação sempre útil.
Obgda. pela partilha.
Uma boa semana

L.Reis disse...

Estes solares enervam-me...é que eu gostava muito de viver numa "casinha" assim... :D:D

Lilá(s) disse...

Finalmente, aí também conheço!
Bjs

Naná disse...

Ainda hoje esse dois poderes são amantes para a vida!

Existe um Olhar disse...

Política e Igreja nunca deram bons casamentos, mas esta foto faz-nos esquecer esses arrufos.

Remus disse...

É caso para dizer que um não vive sem o outro.
Também gostava de ter uma casa assim. Já começo a ter "ideias a mais" para casas.
;-)

Graça Pimentel disse...

Tenho que ir a Sernancelhe. Não me lembro nada desta casa lindíssima.

Beijo

Miosotis disse...

Não conhecia... mas a casa é linda!

Abraço,