18.10.12

Uma fotografia por dia... nº 2765

MFC - Pé de Meia
Beira Alta, Lamego, Anta de Maze, 2012
Aqui tocamos o céu... Esta é uma aldeia de pastores no cimo de uma pequena montanha, hoje totalmente abandonada, em que sendo evidente a decadência que a atinge, essa mesma decadência torna-se um factor de atracção fortíssimo. Tudo ali é ermo, silente e com uma magia única!

22 comentários:

Mona Lisa disse...

Um "tesouro" do nosso Portugal profundo.

O esplendor da pedra adormecida no silêncio.

Estou encantada com a tua belíssima foto!

Adorava "perder-me" por ali...

Beijos.

Ana Paula disse...

mas que seja uma decadência preservada. De extraordinária beleza o local e tua foto.
Beijo

lis disse...

A paisagem passa magia em absoluto silêncio e ainda no alto da montanha.
Ficaria um tempo por aí prescrutando o vento.rs
Encantamento é a palavra.



A Luz A Sombra disse...

Há muito que não comentava aqui, mas esta fotografia deixou-me encantada!
Estas casas, o lugar, digno dum filme de contos de "fadas"
Não seria esta a casa da Branca de Neve?
Parabéns por esta beleza e digo-te por falar em Branca de Neve, vou comer uma maçã... e dormir até que a "CRISE ENORME" passe.
Mas afinal quando temos o prazer da tua vinda?
Bom trabalho
Adeus...

AvoGI disse...

andas fugido? Há que tempos nao te vejo!
KIS :=)

Fábio Martins disse...

Ao não ouvir nada nem ver ninguém deve dar um bocadinho de impressão de estar-se a ser vigiado e não saber por onde :-)

POC disse...

E o silêncio, por vezes, é tão cativante...

Ovelha Flor Guerreira disse...

A minha terra...as minhas raízes...a minha fortaleza!

Remus disse...

Um excelente spot para uma sessão fotográfica.

Tatiana Moreira disse...

É impressionante como um lugar assim pode ficar ermo...
A riqueza está em cada detalhe!
Um abraço carinhoso

maray disse...

quandop vejo essas casas de pedra - que por aqui não existem mais- fico pensando na noção de tempo do homem. Estas eram casas de homens que pensavam em futuro. Casas pra durar eternidades. Hoje temos o "dry wall", parede removível, que dura o quanto duram nossos caprichos. O homem quer ser eterno mas vive o "fast". Alguma coisa se perdeu no meio desse caminho, né não?

papoila disse...

Essa zona é maravilhosa e nesta altura do ano a luz é linda e as fotos ficam fantásticas.

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Posso confirmar que é um local fantástico. Poderia dar um excelente local para turismo, já foi tentado, mas,... para já nada e presumo que nada irá ser feito, a não ser o tempo a passar...
Abraço

Pérola disse...

E o silêncio é um luxo cada vez mais raro.

Fatyly disse...

é pena essa decadência que reaproveitada e ou conservada houvesse turismo rural.

Mas é sempre preferível apostar em obras faraónicas...como por exemplo Centro Comerciais dantescos...

Reinadi Sampaio disse...

A vontade que tenho é de ficar aqui... vivendo plenamente!

paideleo disse...

Marabilloume a foto co ese encadre.
O conxunto é espléndido pero a escolla do enmarcado gaña muitos puntos.

paideleo disse...

Marabilloume a foto co ese encadre.
O conxunto é espléndido pero a escolla do enmarcado gaña muitos puntos.

Abraço-te disse...

Muito, Muito bonito...a foto tá óptima!

Abraço-te

© Piedade Araújo Sol disse...

tesouros escondidos do nosso Portugal.

muito belo.

beij

luisa disse...

Parece mesmo um lugar mágico :)

Paula Nogueira Guerra disse...

Porque estes lugares cheiram a história xxx