4.9.12

Uma fotografia por dia... nº 2721

MFC - Pé de Meia
Minho, Rodetes, Casas da Azenha, 2012
Senti-me bem ali e por isso tenho receio de lá voltar. Sempre tememos a desilusão... mas não nos podemos bastar com a recordação. Temos que arriscar sob pena que a melancolia tome posse de nós... e esta vida é um risco permanente em tudo. Há uma ténue linha que separa o sorriso da amargura! Vamos, por nós, arriscar em ultrapassar uma vez mais essa linha...

42 comentários:

Mona Lisa disse...

É arriscando que se vive...a monotonia cansa!

Um sonho de foto!Um local paradisíaco!

Beijos.

Rute disse...

Assino por baixo...;)

Bonito, este teu sitio!

1 beijo

Lacorrilha disse...

Nem mais.
E quem é que não se sente bem num cantinho assim? Um encanto.

Dudis disse...

Olá, que bem que eu estava uns dias por aí, recuperava num instante, com toda essa natureza e paz, bela foto, como sempre, bjos doces

Margarida Belchior disse...

... tenho para mim que é impossível sentir a desilusão em sítios em que nos sentimos tão bem quando lá regressamos!! ... às vezes somos nós que já somos os mesmos ... nunca somos!! ... ou os sítios que mudaram tanto!

Pela fotografia: Que lugar esplendoroso!! Muito bom gosto!!
:-))

Beijinhos grds

Marina Sena. disse...

a possibilidade de um sorriso sempre vale o risco.

bettips disse...

Mesmo que a gente esteja diferente, há lugares que nos (ou se) conservam a magia. Eu volto sempre: mesmo que seja para notar as diferenças: mesmo que seja nostálgica-a-mente e o prédio risque a paisagem.
A seguir, guardo o melhor das duas recordações: antes/depois.
Este lugar não pode desiludir!
Abçs

Caroline Godtbil disse...

um recanto como esse dissipa qualquer amargura...
Uma foto encantadora.
Beijo.

Miriam disse...

Impossível não voltar... Lindo lugar... Desilusões fazem parte de nossa vida. Devemos arriscar sempre. As vezes nos sentimos aliviados por ter tentado e ser surpreendidos, do que nunca ter feito e viver arrependido.

Rita Almeida Pinto disse...

Belo Minho!

Amapola disse...

Boa noite.

Que foto!!

Feliz semana.

Beijos.

yolcu disse...

Looks like a nice place.

Marina Linhares disse...

Existem lugares tão belos... mas, dependendo do momento que nos encontramos, pode ser de PAZ, SAUDADES ou PESADELO...
Ou entramos na casa... ou nem chegamos perto...

Gi disse...

Já tenho arriscado e ganho, e também já tenho perdido. Segue a tua intuição. Bj.

Fernando Santos (Chana) disse...

Excelente fotografia de belo lugar....
Cumprimentos

Marta disse...

Eu não sou nada dada a desafios mas, este (http://www.unicaeminha.blogspot.pt/2012/09/ao-ritmo-das-palavras.html), não tive como recusar. Se quiseres partilhar mais um pensamento... :)

Nicast disse...

O lugar é lindo! Espero que encontre sorrisos...
bjo

Justine disse...

É verdade, a vida bem vivida tem de ser com risco - risco de perder, de sofrer, mas também de encontrar momentos de felicidade e fulgor!
Voltemos, então, aos lugares em que nos sentimos bem!
(é o que estou a fazer, após ausência sem razão especial - mas este regresso não corre o risco de me desiludir!)
Abraço

Remus disse...

Já andei a admirar, em termos online, estas Casas da Azenha. Acho que é um conjunto de casas fantástico. Fiquei enamorado por elas.

Tanita disse...

É mesmo ténue e só depende de nós alterar isso, ou não...

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Esta e as anteriores fotos com presença dos verdes, estão fantásticas!
Abraço

Pérola disse...

As recordações podem ser uns fantasmas destrutivos se assim o permitirmos.
Nem sempre é fácil, mas há que seguir em frente. De preferência com as lembranças boas no saco misturadas com esperanças vestidas de sonho.

Um beijinho

Clementine disse...

Ui...lindo :) *

Margot Félix disse...

Bonito sim. Mas eu voltaria. :)

addiragram disse...

Belíssimo post!

Fábio Martins disse...

Adorava ter uma casa dessas "escondida" no meio do mato. Para morar talvez não mas para os fds seria fantástico

Numa de Letra disse...

Um sítio de sonho, de facto!

Bom regresso ;-)

Um abraço

Lu Guedes disse...

Gente, que delícia é essa imagem? Viagei. Vaguei. Sabe quando você sente uma saudade gostosa em seu íntimo? Acho que foi um sonho e pronto. rs

bacio

Lu Guedes disse...

Gente, que delícia é essa imagem? Viagei. Vaguei. Sabe quando você sente uma saudade gostosa em seu íntimo? Acho que foi um sonho e pronto. rs

bacio

Tiago Braga disse...

Que janelas lindas e inspiradoras, e que natureza bela. Ate consigo imaginar o que é acordar nesta natureza e abrir aquelas belas janelas =)

manuela barroso disse...

O colorido que imprime alegria numa fotografia espetacular.E tudo o que é exuberante pode colidir com estados de alma.
Beijinhos

A. LaRoque disse...

Gosto das fotos me trazem recordações.

Um dia ouvi dizer que um homem feliz é aquele que não recorda.

Canto da Boca disse...

E assim vamos vivendo: desafiando os nossos limites.

Mas a foto está linda, como sempre, Manel, parece um cartão postal...

Eclipse com Amor disse...

Um sonho este lugar...

© Piedade Araújo Sol disse...

cores belas para um belíssimo lugar.

bela foto

beij

CR disse...

Redescobrir um espaço inventando palavras que pincelam a nossa mente de uma forma sublime. Excelente!
Abraço.

Vanessa Gonçalves disse...

Se não arriscar-mos ficamos na ignorância :))
Beijinhosss

Graça Pimentel disse...

Há que arriscar, que largar os temores, que ir enquanto temos genica para o fazer. Enquanto há tempo...
Eu também quero ir.

bjs

Paula Nogueira Guerra disse...

A beleza do que se encontra (meio) escondido :)

Beu, a Ruiva. disse...

Amei a foto.
Amei o comentário.
Concordo em 200%

Beijinho grande.

Elisa T. Campos disse...

Não dá nem pra sentir amargura. Me parece um lugar de sonho.
Bjs

Ana disse...

Eu adoro voltar aos locais onde fui feliz. Nunca temi a desilusão e nunca me desiludi.
Mas isso, sou eu, que sou muito nostálgica...