1.6.12

Uma fotografia por dia... nº 2626

MFC - Pé de Meia
Porto, 2011
A partir de agora é que vai ser, a partir de agora é que vou ter uma vida despreocupada! Quantas vezes nos dissemos isto?! Mas não, a pressão não nos larga nunca. Não deixam que isso nos possa acontecer! Puxam por nós até estarmos sequinhos, até nada termos... e aí sim, deixam-nos em paz!

33 comentários:

papoila disse...

Parece que andamos sempre a prestar provas! UFA!
Haja saúde.
xx

Ana Paula disse...

Seria um tempero para a vida?
O fato é que até sob pressão as fotos ficam ótimas - tradução perfeita de palavras de indignação.
Beijo

Margarida Alegria disse...

É isso mesmo...
Há anos que no colocam sob constante pressão, sempre co o nome de crise. Crise eterna.
depois não querem que as pessoas se revoltem...
Bão esqueças que te ns lá cartoons saídos em Maio para veres!
Beijinho!

Mona Lisa disse...

Há um provérbio que nos assenta que nem uma luva.

"Quanto mais me bates , mais gosto de ti"!

O protesto ,soberbamente,captado!

O pormenor da faixa deu vida à foto!

Beijos.

✿ chica disse...

Ainda que não deixem despreocupar, fotos podem ser feitas e lindas! abraços,chica

Reinadi Sampaio disse...

Só nós pudemos libertar 'essa gente' - assim nos deixarão em paz!

Flor.

Maria Emilia Moreira disse...

Será que nos vão deixar em PAZ?!
Estou a ver e a sentir tudo isto cada vez mais podre!!
Um abraço.
M. Emília

Filha do Rei disse...

Oba!! Voltou!! :)
Fico feliz por isto!
Jamais podemos perder a esperança. Bjs

Leninha disse...

Caro amigo,

Bom te ver de volta!A vida sempre pode mudar e enquanto houver vida haverá esperança.

Bjsssss,
Leninha

Pérola disse...

Na grande maioria das vezes somos o nosso principal carrasco. Não nos damos folgas. Exigimos sempre mais e mais de nós próprios.
É mais dificil o autocontrole do 'eu' do que gerirmos o exterior.
No final, acaba por estar tudo dentro da nossa cabeça e existir como o vemos e sentimos.
Um beijinho.

Fatyly disse...

Subscrevo inteiramente...malditos sejam e só lá vão à cacetada e nada de cravos!!!!

Manuscritos Digitais disse...

A Luta continua...

Margarida Belchior disse...

... podes crer!! ... é por isso que vale a pena viver um dia de cada vez!! ... e ir aproveitando, apesar de tudo, as coisas maravilhosas que a vida nos dá ... uns dias mais generosa, outros dia menos, mas há sempre algo para apreciar ...

:-))

... como por exemplo a tua foto, que ficou muito boa, numa situação que parece bem de alguma tensão.

Beijinhos grds, de seta-feira ... ;-)

mundoacores disse...

Há também quem não consiga viver sem a luta.
Eu, sou cada vez mais sopas e descanso. E o que me tenho poupado.
Bjito

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Refletivas palavras e excelente foto!

Restless Minds disse...

boa foto! Welcome back :), um abraço

libel disse...

Uhmmm..não sei não, olha que depois de sequinho também pode ser interessante para alguns bichinhos!!

Credo, que ave agoirenta, nada disso, tens toda a razão, estamos metidos no meio de sanguessugas, que nos sugam até ao tútano...mas a partir de agora é que vai ser...

vou usar um repelente...ahahhaha..

Boa foto!!..Beijinhos

Remus disse...

Uma das melhores fotografias do amigo MFC.
Acho que não é preciso dizer mais nada.

aflores disse...

«quem me comeu a carne, que me coma os ossos»

...ai a foto, ai a foto, sem palavras. Fantástica!

Grande abraço, ó "regressado" ;)

Tudo de bom.

Existe um Olhar disse...

Vou fingir ignorá-los, talvez fugir e deliciar-me a contemplar uma foto magnífica.

Beijos
Manu

IsaMaria disse...

não sei até onde nos vai levar estes apertos todos. Mas parece-me que a lado mau.

Bom regresso.

um beijinho e obrigada pela passagem lá pela minha segunda casa. Gostei da tua visita.

isa

Maria de Jesus Lourinho disse...

Eles fazem como quem come pastilha elástica. Mascam enquanto tem sabor e depois, cospem. A foto tem todo o sentido; pena ser rara.

Janaina Cruz disse...

Seja o que for, está sempre a nos sacudir, e quando nos acostumamos as sacodidelas, nada demais acontece... A não ser as novas sacudidelas de coisas que virão...

Naná disse...

E mesmo depois de morto... nunca se sabe!?

Fernando Reis disse...

Pois é MFC, acho que depois de nada termos, ainda iremos receber muitas notas de pagamento de dívidas contraídas em nosso nome, precisamente por aqueles que, teoricamente, nos deveriam aliviar de certas cargas (que ingénuos fomos - desde sempre!) e penso também, como a comentadora anterior disse, que nem depois de mortos, esfanicados e derretidos nos vão deixar em paz ...

Portugal está proibido de morrer.

A consciência do que estamos na eminência de poder deixar aos nossos descendentes, pelo menos a mim, não o permite!

Ahh: como sempre, grandes fotos as tuas, pelo menos tão grandes como os pensamentos que "largas" por aí e pelas discussões que levantas. Muito bom. Mas isso já tu sabes.

Paula Nogueira Guerra disse...

A vida é uma luta constante :S

Natália Augusto disse...

Sugam-nos até nos deixarem só o esqueleto para deitar à cova.

:))

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

.. e todavia, temos de contrariar essa tendência...

um abraço

lis disse...

Estamos sempre a mercê ,até porque é mais cômodo .Muitas situações poderiam ser diferentes se nao aceitássemos tudo tão medrosamente.
Juro que não captei se é uma passeata de protesto ou uma repressão da polícia- o foco principal.
um abraço de chegada

Mena disse...

É sempre agora é que é, realmente, e, e depois, afinal não é!

Bj

Eli disse...

As preocupações fazem sempre parte. Podemos é diminuir a intensidade até não se notar.

Beatrice disse...

aproveitar que a vida nos dá e viver
apenas.

Elisa T. Campos disse...

tudo igual em qualquer lugar.