30.9.12

Uma fotografia por dia... nº 2747

MFC - Pé de Meia
Minho, 2012
Vi-as a rebentarem em fins de Setembro. Foram uma surpresa para mim. Não as conhecia. Surgiam na orla das bouças junto às estradas. Parei o carro para as fotografar... e ainda por cima de um lilás lindo! Tinha mesmo que parar. Eram da minha cor sedutora, a cor que me faz sorrir, a cor que me vence... e que me faz perder, alegremente.

32 comentários:

abspinola disse...

A cor é sublime e atractiva.´
Adoro fotografar flores a minha perdição.
Bjstos

Sofia disse...

Já conhecia essas flores. São de facto lindíssimas e a cor fabulosa. :)
Beijinho*

Menina no Sotão disse...

Adoro flores e essas eu tenho aqui no meu jardim... Não sei como vieram parar aqui. Mas elas gostam de se espalhar. rs

bacio

Mona Lisa disse...

Simples, frágeis e belas nascem espontaneamente em terrenos baldios.

A junção das duas cores...rosa e lilás torna-as ternas, doces...

Sorri, olhando a tua fantástica foto.

Beijos.

Helena Prata disse...

Eu já as conheço há muito tempo e estão lindas, bela imagem.

anamar disse...

Tanta sensibilidade, Manuel...
Abracinho e bom domingo...
Ana

Vítor Fernandes disse...

Também as fotografei esta semana. A propósito, como é que se chamam?

Nem preciso de dizer que gosto da foto, pois não?

Claudia disse...

Aqui nos a chamamos de globélia...colorem e preenchem muros e caramanchóes...abrs

Vivian disse...

...se nome ou não,
o que importa é que são
belíssimas e delicadas!

belo click como sempre!

bom domingo por aí!!

bj

Canto da Boca disse...

O que comprova que a simplicidade é deveras bela!

Fatyly disse...

Na minha terra chamam-se "beijos de mulata" e tem várias cores. Nascem do nada e por vezes em locais inimagináveis:)

Manel já sei que é das tonalidades que mais gostas e eu não...embora ache e tenho pena, que estas flores não sejam reaproveitadas para jardins, bermas de caminhos de ferro, canteiros públicos porque são resistentes a tudo e a todos.

Gostei e mas o que te faz sorrir ainda mais é o teu Benfica lolll e se puderes vai lá ouvir o teu hino que não sei se conheces esta versão.

Uma beijoca

C. disse...

Bem bonitas :)

Mz disse...

Selvagens e belas. O eterno desafio que a natureza nos oferece.

Sara disse...

São realmente muito bonitas. Coloquei uma no cabeçalho do meu blogue há uns tempos e foi nessa altura que o Fernando Reis, do "Blogue do Reis" e visita lá de "casa", me disse que se chamava "glória da manhã". Bonito, não?

Um abraço de boa semana, mfc!

o chacal disse...

Selvagens mas nem por isso deixam de ser belas.
O contraste do azul lilás com o verde ficou lindo,gostei.
Abraço

O Puma disse...

Belíssimas

Aqui são uma praga

LUZ disse...

Impossível resitir à cor, à beleza e talvez ao sabor, porque os olhos, também comem.

Saudações.

Adri Aleixo disse...

Que perfeição.

luisa disse...

Lindas... vejo-as muito por cá. São trepadeiras e enrolam-se sem vergonha noutras plantas :)

Bípede Falante disse...

oh, aqui estão chegando as flores ...

beijoss

Lilá(s) disse...

Esse é o tom lilás que mais gosto, temos gosto bem parecidos hem!
Bjs

Reinadi Sampaio disse...

Maravilhosas! Tua arte em fotografar muito traz de belo.
Parabéns.
Reinadi.

Remus disse...

Esta planta é como as heras (acho que devem pertencer à mesma família) onde elas nascerem, acabam por dominar e trepar todo o local. Se não forem dominadas e cortadas, acabam por ser uma praga. :-)

Paula Nogueira Guerra disse...

Com aquela cor que quase nos hipnotiza! LINDO!!!!

Cristinix disse...

Fotografia muito boa e bonita.
Essas flores até parece que têm uma pérola no centro. :-)

Margot Félix disse...

Graciosas. Também adoro o lilás!

=)

Pérola disse...

São lindas e selvagens.
Há uns anos trouxe umas guias que plantei junto a um sobreiro.
Pois estas 'meninas' tornaram-se numa 'praga' com guias a abraçar tudo o que é ramo. De vez em quando levam umasá.
Umas flores belas, porém selvagens, indomesticáveis.

Beijinho

Existe um Olhar disse...

Adoro flores do campo, estas estão especialmente bonitas. A cor é sublime, segundo os especialistas é a cor da cura usada em muitos espaços de terapias alternativas, é também a cor da intuição, isto para quem acredita neste tipo de coisas, claro.

Beijos Manuel

paranoiasnfm disse...

Por cá é o que não falta...
São lindas! :)

Ana disse...

Ainda no domingo andei a fotografar (mas ficaram muito más devido ao acesso) no jardim da minha tia, são lindas, sem dúvida. Por cá há muitas.

Graça Pimentel disse...

Gostei da fotografia. As cores estão uma maravilha.

beijo

Margarida Belchior disse...

Estas flores e a sua cor fazem parte da minha infância: o que brincávamos a arrancá-las, a soprar-lhes para dentro e a rebentá-las ... :-))

Vê lá esta: http://www.flickr.com/photos/natureloving/8068201830/

Beijinhos grds