20.4.12

Uma fotografia por dia... nº 2584

MFC - Pé de Meia
Apúlia, secagem do sargaço, 2011
Pois por aqui continua a retirar-se do mar as algas (sargaços), a fim de serem secas para servirem depois como adubo natural para os campos. Isto é a ecologia em marcha... e é linda! Mas acreditem... é um trabalho duríssimo e feito na generalidade por mulheres.

49 comentários:

Ana Paula disse...

Pois que o árduo trabalho mostrou-se em belíssima fotografia, parece incorporado à paisagem.
Beijo

Vera, a Loira disse...

O mundo alimenta-se daquilo que cria.

Maria disse...

Chegou aqui o cheiro!!!!
Obrigada!

:)

Mona Lisa disse...

Tarefa difícil, perigosa, mas valiosa, como tudo que é raro, feita por MULHERES do MAR PORTUGUÊS.

Belíssima foto com cheirinho a maresia.

Beijos.

Sofia disse...

Mulheres coragem essas. Têm todo o meu respeito.
Beijinho*

Marly Bastos disse...

Aqui se come isso para emagrecer... Aposto que essas mulheres que tiram isso do mar, nem precisam ingerir isso para se esguiarem.
Aí, as algas viram adubo?? Aqui também viram, mas depois que se come! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Haja ecologia!
Beijokas doces

Maria Emilia Moreira disse...

Boa noite!
Claro que as mulheres sempre foram umas sacrificadas.É um trabalho duríssimo! Mas os produtos dessas terras são mais saborosos.
Abraços.
Maria Emília

Eli disse...

E depois dizem que os trabalhos duros/pesados são para os homens...

Leninha disse...

Pobres mulheres,imagino o cansaço no fim do dia.
Bjsssss,
Leninha

Amapola disse...

Boa noite.

Eu nunca tinha ouvido nada sobre essa alternativa.
Deve ser um excelente adubo.
O trabalho é muito, mas a terra agradece!

Beijos.

Margarida Belchior disse...

... também me chegou o cheiro a maresia, que trouxe entranhado de quando lá estive.

... e os castanhos? Uma beleza!! ... só um trabalho árduo produz tanta harmonia - incluindo a da foto!!
:-))

Beijinhos grds, a cheirar a maresia

lis disse...

Uma bela novidade fc
não lembro de ter lido nada a respeito por aqui e nossos mares tem épocas que vive cheios de algas, nao sei se a nível significante.
bonito trabalho e deve mesmo ser um sacrifício permanecer no mar pra essas retiradas.
O que sei sobre algas é que é bastante usado na alimentação principalmente de vegetarianos e em produtos farmáceuticos e( já vi em capsulas )e nos cosméticos .
A foto é ótima, nunca tinha visto seca assim, obrigada pela partilha interessante.
meu abraço

© Piedade Araújo Sol disse...

chega o cheiro da maresia.
boa foto!
beij

clutch and chic disse...

e como é pesado o sargaço!!! e aqueles carros de madeira que eles usam para transportar? são lindos!!!

Tanita disse...

Muito do trabalho árduo é realizado por mulheres e muito pouco valorizado é.
Obrigada mfc pela tua sensibilidade. À parte da fotografia ser belíssima. Bj**

Remus disse...

Não conhecia essa particularidade.
Bem hajam.

greentea disse...

na praia do Baleal havia sempre essa faina no final do Verão , depois das marés-vivas, as algas eram carregadas em burros que as levavam ao seu destino.
Não creio que fossem mulheres a fazer esse trabalho ...

Naná disse...

Pena que esses saberes foram sendo desprezados

hfm disse...

Um trabalho gigantesco mas pouco reconhecido, infelizmente.

marciagrega disse...

Interessante...nunca tinha ouvido falar disto!
Eu conheço várias formas de adubo mas esse realmente pra mim é novidade....

Beijos

Cadinho RoCo disse...

É muito importante perceber o quanto de informação há, ou pode haver, em uma fotografia.
Cadinho RoCo

Irene Alves disse...

Muito boa a foto. Conheço
perfeitamente esse trabalho e o
sítio.
Bom fim de semana amigo.
Bj.
Irene

A Minha Essência disse...

A essas mulheres: clap, clap,

Parabéns pela foto. ;)

Manuel Luis disse...

Para além do trabalho duro, ainda vão de bicicleta para casa!
No meu quintal, também se juntam os elementos para formar estes montes, adiciona-se minhocas para ajudar o processo natural.
É um excelente adubo.
Se este sargaço não for retirado da origem, vai constituir um problema de asfixia com já acontece em Aveiro.

Maria de Jesus Lourinho disse...

Que seria deste mundo sem o trabalho duro das mulheres?

Pérola disse...

Apesar de termos menos força somos mais resistentes (até às doenças) e 'imunes' à dor. Aqui se encontra a justificação de existirem mais mulheres do que homens no mundo, embora nasçam mais rapazes. A demografia explica tudo.
Mas, observemos o teu sargaço!
Como gosto de ver as alguinhas nas poças da baixa mar! Saber que se podem transformar em adubo biológico é uma mais valia.
Por estes lados nunca tinha visto tal, desta forma a tua fotografia contém um cariz informativo, para mim.
Beijo.

Anna^ disse...

Assisti a algumas em Cortegaça e Angeiras. Tarefa tão dura!

Um bom fim de semana

beijinho

SKIZO disse...

Bela
Foto

Fábio Martins disse...

Aí praticam esse tipo de trabalho?
Boa. Desconhecia que isso era feito.
Ao menos aproveitam uma coisa que não é muito utilizada nas nossas vidas.

Sei que também cozinham isso... será bom? :-P

luisa disse...

Interessante e como sempre mesmo a dureza de um trabalho resulta bela nas tuas fotos. :)

joão l.henrique disse...

Tarefa árdua, essa dos sargaceiros.

Um abraço.

Jorge disse...

E, ao lado do monte de algas, parece haver um desfile de lindas flores!

O meu pensamento viaja disse...

E o cheiro? Não falaste nele ...
Bj

Paula Nogueira Guerra disse...

LINDO & GRANDES MULHERES :)

Bom fim de semana xxxx

Lua Nova disse...

Que linda foto e quanta informação sobre assunto que eu desconhecia.
Mulheres são surpreendentes...meus aplausos a elas.
Beijokas e saudades.

Manuela Freitas disse...

Já tive oportunidade de apreciar esse trabalho, numa praia bem perto do Porto! As mulheres metem-se na água a arrancar o sargaço em águas muito frias!
Quando seca o seu peso é muito relativo!!
Abraço,

paideleo disse...

Pois por aquína Galiza tamén se fai pero menos cada vez.
Tamén se botan cunchas de ameixas, mexilóns e croques no campo.
As mulleres son unhas deusas.

Maria Alice Cerqueira disse...

Boa tarde!
Hoje em especial
Parei um pouquinho
Para trazer o meu carinho.
E apenas lhe dizer muito simplistamente,
Muito Obrigado!
Obrigado por tudo, que Deus esteja sempre com você hoje e sempre e sempre...
Com todo o meu carinho o meu grande Abraço.
Maria Alice

intimidades disse...

e dao uma linda imagem

Bjinhos
Paula

nacasadorau disse...

Bem podia ser em Moledo do Minho.
Adoro os tons.
Bela foto.

Bom fim de semana
Beijo

Rute disse...

Ora aqui está uma coisa que eu desconhecia! Obrigada por estares sempre a ensinar-me coisas novas:))

1 beijo

mel disse...

mfc também é cultura! A foto do trabalho bem feito é sempre bonito de se ver.

Beijos, querido e bom fds.

Graça Pimentel disse...

As algas também têm outra finalidade. Eu trabalhei numa fábrica - SICOMOL, na Figueira da Foz que produzia agar agar, hoje ágar ágar, a partir das algas. Só havia duas em Portugal. Suponho que já fecharam ambas.
Este post levou-me aos anos 74 e 75...

Um beijo

Teresa Durães disse...

penso que a maioria do trabalho agrícola do nosso país é feito por mulheres. (será que os homens ainda vão para a guerra por isso as mulheres fazem o trabalho todo?)

manuela barroso disse...

Uma trufa de chocolate, como alimento da terra...
Fotografias, cada vez mais belas!
Beijinho

maceta disse...

aqui está uma bela refeição para o Coelho e seu séquito...

addiragram disse...

Acho esta fotografia um "autêntico" Monet. Belíssima!

Noslen ed azuos disse...

um bom lugar pra um romance detrás das algas... lembrei de Olga, um antiga namorada.

ns

Elisa T. Campos disse...

Será a mesma alga da gastronomia oriental?

bjs