9.5.13

Uma fotografia por dia... nº 2968

Vila do Conde, 2013
Era do cesto da gávea que o grumete lançava o primeiro grito de aviso de terra à vista! Mas não se pense que era um lugar privilegiado, pois era precisamente o sítio onde se sentia mais o oscilar do barco ao sulcar as ondas. Nem sempre o que parece é...!

10 comentários:

Vítor Fernandes disse...

O único privilégio era que quando vomitavam ele nunca recebia carga em cima; ao contrário...

Mona Lisa disse...

Nem tudo o que parece é...sem dúvida!

No entanto, a tua foto é o que parece!

Belíssima foto favorecida pelo céu "farrusco".

Beijinhos.

Fatyly disse...

Há muitos anos estive numa gávea mas com o barco em terra firme LOLLL

Tá louco:):):):)

Dinada disse...

As saudades que tinha disto...
Reencontrei-te num "comento" antigo a um poste meu, velho mas bonito passo a imodéstia.

Voltei para ficar, observando ou lendo, falando "em conforme"!

Dinada

AnaMar (pseudónimo) disse...

Finalmente consigo chegar aos seus blogues.
Tanta escrita para por em dia

(bela foto:-)

Rui - Olhar d'Ouro disse...

Mais uma interessante foto!
Abraço e continuação!

Dulce disse...

Sabes que a este cesto se chamava "caralho" e que vem daí a expressão "ir para o caralho" - um sítio desagradável?

Graça Pimentel disse...

Mais uma bela fotografia para fazer um desenho a nanquim. Lindo!

Beijo

Elisa T. Campos disse...

E realmente como a Graça disse:
Quando vi me lembrei da pintura a nanquim.

bjs

José Mendes disse...

FOTOS - UM PASSEIO POR LISBOA
http://achapadodia.blogspot.pt/2013/05/fotos-um-passeio-por-lisboa.html