18.2.13

Uma fotografia por dia... nº 2888

Amarante, 2012
As ruas são um manancial de surpresas em que cada olhar nos pode revelar uma nova realidade, que permite um registo fotográfico atraente. Só que é preciso olhar... e reparar! E é um mundo variado que desfila sempre diante dos nossos olhos. Confesso que tenho um certo pudor em fotografar pessoas, mas desde que o anonimato seja preservado... tudo bem!

11 comentários:

Ana Paula disse...

E é preciso um bom e apurado olhar anônimo.
Essa é diversidade da qual fazemos parte.
Beijos

Mona Lisa disse...

Amparo...amor...carinho...as une!

Um momento LINDO captado pelo teu terno, sensível e sempre atento olhar!

Beijos.

Fatyly disse...

Subscrevo o que dizes e pela foto, preservaste muito bem.

Naná disse...

Gosto tanto destas fotos do quotidiano!

Blondewithaphd disse...

E lá vão elas todas contentes.

Manu disse...

Adoro fotografar pessoas e quase sempre o faço com els de costas voltadas, mas sinceramente, muitas vezes gostava de o fazer olhos nos olhos, é que há expressões tão bonitas!
Esta é uma daquelas fotos que nos inspira ternura e cumplicidade.

Beijos Manuel

Raysla Camelo disse...

Imagine, a quantidade de pessoas que passam por nós durante alguns minutos, agora imagine a quantidade de histórias que cada uma viveu na sua individualidade. É a vida mostrando pra nós que é bem maior do que muitas vezes a percebemos.

=)

Tanita disse...

E ainda bem que fizeste esta fotografia, está fantástica!

Margarida Belchior disse...

Esta apetece ficar a olhar ... e construir todo um filme a partir dela.

As tuas fotos mostram que estás a ficar como o vinho do Porto ... :-))

Beijinhos grds

maria madeira disse...

Gostei dos chapéus, só e porque no inverno também eu uso chapéus. Desde que me lembro. Um habito que veio da minha mãe. Chapéus ficam bem em qualquer idade.

Elisa T. Campos disse...

Seu olhar sempre me surpreende.
Também tenho receio de fotografar as pessoas de frente.